fbpx
Dicas

Ter uma agenda te ajuda mentalmente

3 de fevereiro de 2017

Você é daquelas pessoas que andam com uma agenda pra baixo e pra cima, dentro da bolsa, no quarto, no trabalho ou é aquela pessoa que nunca foi apegada a esse tipo de coisa? Se sim, você é uma pessoa que sempre usou agenda já sabe que ela é uma grande aliada não só no dia-a-dia mas também da sua mente, se não, é bom começar a usar afinal, os benefícios são muitos.

Nos últimos meses, uma técnica chamada “bullet journaling” ficou extremamente popular na internet. Trata-se de um sistema de organização de agendas criado pelo designer Ryder Carroll, no qual, por meio de várias etapas, as pessoas conseguem “acompanhar o passado, organizar o presente e planejar o futuro”.

Não é uma técnica fácil ou intuitiva, ainda assim foi adotada por milhares de pessoas — é só buscar o termo “bullet journal” no Instagram, no Tumblr ou no Twitter para encontrar várias imagens maravilhosas de pessoas que organizaram suas vidas com o método de Carroll.

Em entrevista ao Science of Us, o neurocientista Daniel Levitin, autor de The Organized Mind (A Mente Organizada), explica que, no geral, quanto mais difícil for uma técnica, menos pessoas a adotarão. Os bullet journals, no entanto, fogem da regra porque funcionam como uma forma de as pessoas externalizarem suas memórias. Várias pesquisas reforçam a crença: escrever uma frase por dia pode te deixar mais feliz; fazer listas te deixa menos estressado e escrever à mão uma tarefa que você precisa fazer aumenta as chances de ela ser realizada. “Em outra palavras, tirar o que está na sua cabeça e colocar no mundo, seja em uma agenda ou em post its na sua geladeira, pode te fazer bem”, afirma.

Mas como fazer o bullet journal?Levitin explica ainda que a sua cabeça só consegue prestar atenção a cerca de três coisas ao mesmo tempo. Isso quer dizer que ao se lembrar de várias tarefas constantemente, fica difícil acompanhar de fato o que você precisa fazer, o que te deixa cansado e bastante ansioso. Ao usar o sistema de bullet journal, é possível colocar vários tópicos de toda a sua vida em um só lugar, o que não só ajuda a tirar um pouco do peso dos seus ombros, como aumenta as chances de priorizar as tarefas e estar sempre de olho naquele cardeninho, logo, de não se esquecer do que precisa fazer.

A ideia é que a partir do método de Carroll você possa anotar na sua agenda desde as tarefas diárias e mensais até seus sonhos e inspirações.

O primeiro passo é criar um índice no início da agenda. Em seguida, enumere as páginas e coloque o que cada uma corresponde. Por exemplo: lista de compras na página 2, objetivos do semestre na página 6 e por ai vai. Ao acrescentar uma espécie de menu no seu caderno, você não precisa ficar procurando em qual página está o que.

Nas páginas após o índice, faça um mini calendário dos próximos meses do ano, ao lado dos quais você pode anotar os principais acontecimentos daqueles dias: aniversários, consultas médicas, prestações que precisam ser pagas.

Uma boa ideia é dedicar a próxima página a um calendário mensal. Dessa forma você poderá visualizar o mês por inteiro e ter uma noção do que cada dia te reserva.
Você pode mapear também sua lista de tarefas da semana ou do dia, como preferir. Lembrando que o objetivo é fazer o que é mais prático e que condiz com a sua rotina.

Carroll sugere que você priorize as tarefas mensais, usando símbolos para indicar quais devem ser esquecidas, quais devem ser feitas nos próximos meses ou quais devem esperar por um tempo. É possível ver as explicações mais detalhadas neste vídeo. Mas como ressalta Levitin, não existe um método que funcione para todo mundo. O que a ciência comprova que funciona é externalizar seus pensamentos, anseios e objetivos de alguma forma, como isso será feito cabe a você.

Se preferir o método comum, funciona do mesmo jeito, a agenda te beneficia de diversas formas!

Ela pode ajudar você em muitas coisas:

1. Lembrar-se de tarefas futuras.
2. Anotar compromissos.
3. Escrever listas de coisas a fazer.
4. Planejar sua semana.
5. Planejar seu dia.
6. Anotar prazos importantes.
7. Controlar tarefas com prazos determinados.
8. Registrar idéias e acompanhar projetos.
9. Lembrar-se de eventos recorrentes como datas especiais e aniversárioscompromissossemanais ou mensais, etc.
10. Registrar e guardar números de telefone e endereços.
11. Armazenar informações pessoais como números de documentoscontas bancáriascódigossenhas, etc.
12. Programar atividades recorrentes como reuniões com colaboradoresoperações de backup de dadosorganização ou limpeza semanal da sua área de trabalho.
13. Organizar atividades com base em suas metas e objetivos.
14. Desenvolver mapas mentais.

Enfimtudo aquilo que possa ser importante para que você tenha seu tempo e sua vida sob controle.

Lembre-se que a informação e o conhecimento  têm valor quando podem ser resgatados de forma rápida e segurana hora que você precisaQuer um exemplo simples? De que adianta você conhecer várias pessoas influentesque poderiam ajudá-lo numa situação de emergência, se não tiver seus telefones ou não souber como encontrá-las no momento que precisar?

Confiar na memória é o maior erro que podemos cometer no que diz respeito a se organizar.

Na verdade, as pessoas deveriam se esquecer de lembrar das coisasIsto pode soar um pouco estranhomas o ritmo de trabalho e a quantidade de informações que temos que processar nos dias de hojefazem com que seja impraticável utilizarmos a técnica da memória para administrarmos nossa vida.

Registrar no lugar certo e poder acessar estas informações na hora que precisamos é sem dúvida o caminho mais fácil e eficiente a seguir, se quisermos realmente nos organizar.

Quando perguntavam a Albert Einstein porque ele não lembrava o número do próprio telefone ele dizia “Para que, se posso encontrá-lo na lista telefônica a hora que precisar“.

Uma outra coisa muito importante e que pode ser fundamental para determinar o seu grau de produtividade e tranqüilidade pessoal éPediu para alguém fazer uma tarefa importante para vocêÉ possível que essa pessoa se esqueçacomprometendo o seu projeto. Para garantir que o trabalho seja feitoagende para poder acompanhar ou cobrar a tempo, se for necessário.

Acabou de combinar uma mudança num trabalhoAgende imediatamentePassou pela sua cabeça que você talvez não esteja dando a atenção necessária a seu filho ou parceiro (a)? Agende imediatamente uma ação para consertar isto, (a compra de um ingressoenvio de flores, etc).

Viu? Não importa como, se você faz ela ou ela venha pronta, se ela é grande, pequena, decorada ou lisa. Escrever ainda é um dos métodos mais efetivos para evitar o esquecimento de alguma informação ou compromisso e para ajudar a guardar informações na memória. Por isso ande sempre com uma agenda, crie o hábito de anotar e organizar todo o seu dia, você vai se estressar bem menos, treinar a memória bem mais e viver bem.

referências: https://goo.gl/kF8zw5https://goo.gl/IqDoL1

Você pode gostar também

Sem comentário

Deixe seu comentário